TEMPS D'IMAGES LISBOA // LOOPS.LISBOA
// CALENDÁRIO // PRESS // TDI 2015 // ENG
// CLUBE TDI

 

     
REGULAMENTO
Uma nova competição do TEMPS D’IMAGES LISBOA que convida artistas portugueses, e estrangeiros residentes em Portugal, a investigar o LOOP explorando a essência da linguagem do cinema e da vídeo arte.
CANDIDATURAS DE 25 DE AGOSTO A 27 DE SETEMBRO DE 2015

// SOBRE O LOOP
Pode parecer elementar falar de criação em loop hoje em dia. Se pensarmos no exemplo mais extremo e banal desta forma de linguagem audiovisual, poderíamos falar dos incontornáveis vídeos .gif que povoam as nossas redes sociais e aplicações móveis de mensagens e que, essencialmente, representam / significam pura diversão e entretenimento.
Porém, se por um lado esta associação contemporânea vulgariza esta forma de criar, por outro cria uma grande injustiça: sem o loop, não haveria nem o cinema nem a videoarte como a entendemos hoje.
O loop é o berço da história da imagem em movimento. A sua lógica da repetição, que originalmente fez da inércia movimento, atravessou o século XX e XXI com as mais diversas formas de expressão autoral. Dos dispositivos ópticos do pré-cinema (Phenakistoscope, Zootrope, Kinetoscope), passando logo a seguir pela obra de Duchamp, pela pop art e por grandes nomes como Dan Graham, Martin Arnold e mesmo Harun Farocki, o loop demonstra uma invejável vitalidade enquanto elemento essencial do movimento audiovisual.
São inúmeros os exemplos de diversidade de processos, recursos narrativos e abordagens poéticas atribuídos ao filme-loop ao longo das décadas. Das obras circulares, que sempre voltam ao mesmo ponto (não sem antes criar novos significados para as imagens), até chegar aos trabalhos espirais, que extrapolam geometricamente as suas partes constituintes, rumo a um moto-contínuo, as possibilidades do loop dependem apenas da criatividade de quem manipula a imagem consoante o espaço, o tempo e o ambiente de projeção e intervenção. Seja através de material autoral ou reapropriado, a criação de significados e sentidos literalmente nunca tem fim.
E é para desafiar os artistas portugueses, e estrangeiros residentes em Portugal a uma exploração desta célula-tronco da imagem que o TEMPS D’IMAGES LISBOA criou o LOOPS.LISBOA.


// CALENDÁRIO E CONDIÇÕES DA OPEN CALL
> Criadores-Alvo: Criadores nacionais a residir em Portugal ou no estrangeiro e artistas estrangeiros com residência em Portugal.
> Projetos a Selecionar: 3 projetos
> Data limite para envio de candidaturas: 27 Setembro de 2015
> Candidatura: Os candidatos interessados em participar no LOOPS.LISBOA devem preencher o formulário disponível em:
http://www.tempsdimages-portugal.com/2015/loops_form.html
O formulário devidamente preenchido, bem como o material suplementar, deverá ser submetido na página acima referida entre 25 de Agosto a 27 de Setembro de 2015.
Todas as candidaturas entregues fora de prazo não serão analisadas.
> Contato (dúvidas e esclarecimentos): duplacena@duplacena.com
> Júri e seleção
Um júri, presidido por Emília Tavares (MNAC – Museu do Chiado) elegerá o melhor vídeo.
A selecção prévia dos vídeos a concurso será da responsabilidade da artista visual Irit Batsry.
A selecção dos vídeos a concurso, bem como a atribuição do prémio, será da inteira responsabilidade do TEMPS D’IMAGES LISBOA. Das suas decisões não caberá recurso ou reclamação, sendo sempre e em qualquer circunstância inquestionáveis e definitivas.
O júri reserva-se o direito de não atribuir prémio se concluir pela inexistência de vídeos candidatos que preencham os requisitos de qualidade ou de conformidade com as exigências desta competição.
> Comunicação dos Resultados: Por e-mail a partir do dia 4 de Outubro de 2015 e nas páginas internet do Temps d´Images Lisboa e do MNAC - Museu do Chiado.


// PRÉMIO E OUTRAS
> Valor de 2.000,00€ para o projecto vencedor de LOOPS.LISBOA
> Os projetos selecionados serão apresentados na Sala Polivalente do MNAC – MUSEU DO CHIADO em calendário a definir.


// CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO
> Podem participar todos os artistas portugueses a residir em Portugal ou no estrangeiro e artistas estrangeiros com residência em Portugal.
> Pode ser submetida mais do que uma candidatura, até um máximo de três, por cada artista ou colectivo, devendo no entanto ser inscritas separadamente.
> Para efeitos de visualização e selecção dos vídeos inscritos, estes deverão estar alojados numa plataforma web (blog; youtube; vimeo; etc). O respectivo link será inscrito na candidatura, bem como, a existir, a password de acesso, em campos próprios para o efeito.
> Os vídeos enviados:
              a) podem ser de autoria individual ou colectiva;
              d) devem conter ficha técnica com os seguintes dados: nome do artista ou colectivo, título e duração da obra.
> Em caso de selecção, será solicitada nessa data o envio imediato de:
              a) vídeo num dos seguintes formatos: MP4; H264; AVI ou MOV, para projecção;
              b) lista de diálogos em inglês e português (quando aplicável);
              c) 2/3 stills do vídeo e retrato do artista ou colectivo.

// CANDIDATURA
> As candidaturas deverão ser submetidas online, em formulário próprio até, às 23h59m do dia 27 de Setembro de 2015.
> A candidatura só terá validade se todos os campos do formulário forem devidamente preenchidos.
> Os elementos constantes na candidatura não serão devolvidos.

// INFORMAÇÃO IMPORTANTE
Após preenchimento do formulário de candidatura deverá seleccionar o botão "CONTINUAR".
Irá ser direccionado para uma página de confirmação. Muitas vezes, dependendo do browser poderá ter necessidade de fazer um scroll up.
No final dessa pagina de confirmação, encontrará três botões:
_ IMPRIMIR _ para imprimir o seu formulário. Poderá, também criar um ficheiro pdf.
_ EDITAR _ se necessitar de alterar algum dado no formulário.
_ SUBMETER _ para finalizar e submeter a sua candidatura. SÓ ASSIM A CANDIDATURA SERÁ FINALIZADA.
Após seleccionar o botão "SUBMETER" será direccionado para uma página que confirmará a sua submissão (dependendo do browser poderá ter necessidade de fazer um scroll up para vizualizar a mensagem).
Deverá de seguida recepcionar um email de confirmação da submissão da candidatura.

O FORMULÁRIO ESTÁ DESENVOLVIDO PARA MOZILLA FIREFOX.